Dororo – Resenha do 1º episódio do anime

Dororo – Resenha do primeiro episódio do anime

dororo01

Exibição Original: 07 de Janeiro de 2019 – presente
Título Original: Dororo どろろ
Estúdio: MAPPA e Tezuka Productions
Avaliação: ★★★★☆ (Ótimo)

Logo no início deste mês (01/2019) aconteceu a estreia do anime Dororo. A obra é uma nova adaptação para TV do mangá, de mesmo nome, de Osamu Tezuka. O trabalho escrito é de 1967 e ganhou uma versão animada dois anos depois. Da para se dizer que realmente é uma versão animada, pois os traços e cenas são muito idênticos aos do mangá. Em 2007 um live action também foi produzida para sobre a obra.

A premissa da mais nova versão não difere da obra original. A trama conta a história de um jovem chamado Hyakkimaru que nasce sem diversos órgãos e membros, mais precisamente sem 48, por conta de um acordo em que seu pai fez com 48 demônios em troca de prosperidade em suas terras e predominância no campo de batalha. O jovem nasce com uma aparência fora do comum e logo é abandonado por seu pai (nesta versão) em um rio. Hyakkimaru é achado e adotado logo em seguida por um curandeiro e tem suas partes faltantes substituídas por próteses adaptadas para enfrentar os perigos que lhe aguardam.

dororo02

O jovem precisa enfrentar além dos yokais (classe de demônios), os demônios que tem posse de seus órgãos para tê-los de volta. É na luta contra esses perigos que o jovem herói encontra Dororo, um órfão que se intitula o maior ladrão do Japão. O garoto fica impressionado com as habilidades demonstradas por Hyakkimaru e passa a caminhar com ele.

dororo03

Logo pelo primeiro episódio desta nova adaptação, é possível identificar que a trama terá um clima muito mais tenso e um pouco mais sombrio do que no mangá. Alguns elementos que exibem isto são pela forma com que Hyakkimaru é apresentado, sendo uma forma muito mais misteriosa. Os traçados e efeitos presentes na animação também muito bem feitos. Logo na primeira cena onde o clima é chuvoso, os efeitos da chuva caindo no chão e até mesmo escorrendo das edificações são muito bem explorados, além das primeiras feições exibidas no anime. Os personagens também são muito bem desenhados e trazem muito mais o lado misterioso e sombrio dos personagens do que no mangá. Sabemos que não há como comparar um desenho e animação de 50 anos atrás com a de agora, mas é um item curioso de se ressaltar.

A produção do anime é do estúdio MAPPA e Tezuka Productions. Também é dirigido por Kazuhiro Furuhashi de Samurai X, além do roteiro adaptado por Yasuko Kobayashi de Shingeki no Kyojin. A partir deste primeiro episódio apresentado, Dororo mostra-se um anime promissor, ainda mais por saber que temos uma versão um pouco mais misteriosa e sombria (que combina muito mais com o enredo) e também pelo fato de no mangá não pouparem as cenas de luta e nem de sangue jorrando, o que pode tornar o anime mais interessante, ainda mais com a aparição de diversas formas de demônios.

dororo04

Confira outras resenhas de animes aqui. Siga o Meta Galáxia nas redes sociais!

assinatura kelvin

Deixe um comentário