One Punch Man | Resenha

One Punch Man

Ano: 2015
Título Original: ワンパンマン, Wanpanman
Estúdio: Madhouse | Nº de Episódios: 12
Avaliação: ★★★★★ (Excelente)

Com a grande variedade de animes lançados anualmente e o fácil acesso que temos a diversos serviços de streaming atualmente, como o Crunchyroll e mesmo a Netflix, há uma disputa acirrada e são poucas as obras que saem da curva para tornarem-se verdadeiros fenômenos também no ocidente e, se podemos destacar uma delas, certamente é One Punch Man.

Adaptado primorosamente do mangá escrito por One e ilustrado por Yusuke Murata, One Punch Man é uma obra-prima do shonen e não à toa já é considerado um dos melhores animes da década, ganhando maior popularidade no Brasil após seu lançamento na Netflix desde julho de 2017. Quem dirige é Shingo Natsume e a animação é assinada pelo estúdio Madhouse (Death Note, Hunter x Hunter), que raramente decepciona.

One Punch Man

A série é ambientada em um universo onde a Terra é constantemente atacada por monstros das mais diferentes espécies, e para protegê-la, foi criada a Associação dos Heróis, cujos filiados são divididos em diferentes classes de acordo com seu nível de poder/habilidades. Os heróis mais poderosos pertencem ao seleto grupo da classe S, onde figuram apenas 17 guerreiros.

Somos apresentados a Saitama, um homem que se tornou absurdamente forte de tanto treinar, a ponto de perder os cabelos. Seu poder é tamanho que tornou-se capaz de derrotar inimigos com apenas um soco, e além disso, sua agilidade e resistência são quase absolutas, tornando-o um lutador imbatível. No entanto, ao se tornar tão poderoso, Saitama acaba entediado por derrotar sem qualquer esforço as ameaças que atacam sua cidade. Mas sua vida começa a mudar quando ele confronta Genos, um poderoso ciborgue que acaba tornando-se seu discípulo, e ambos decidem entrar para a Associação.

One Punch Man

Embora simples, a trama apresenta uma grande variedade de personagens, carismáticos e cheios de características peculiares, o que age perfeitamente com o tom do anime, recheado de humor e absurdos constantemente – as piadas são ótimas e não soam repetitivas ou fora de tom. Saitama é um excelente protagonista, e seu ar continuamente descomprometido casa muito bem com o fato de ser tão poderoso e surreal diante de seu próprio mundo. A sua relação com Genos, que possui características extremamente opostas, garante alguns dos melhores momentos da temporada.

A qualidade da animação é incrível, repleta de cores e cheia de movimentos, mantendo um 2D de alto nível. A ação é fantástica e torna as batalhas colossais – à lá Dragon Ball Z, de onde há também bastante inspiração para o traço do anime e mangá – um festival visual de deixar qualquer um hipnotizado e babando. É impossível não “pirar” com as constantes destruições de cidades inteiras e monstros gigantes explodindo em pedaços.

one-punch-man-05

One Punch Man empolga e diverte muito, tornando seus atuais doze episódios fáceis de se devorar e nos deixar a espera da próxima temporada, que segue em produção e deve ser lançada em breve. Dica: vale muito a pena conferir a versão dublada na Netflix – está SENSACIONAL! Confira um pouco no vídeo abaixo (contém pequenos spoilers):

Confira matérias de animes aqui no Meta Galáxia.

ASSINATURA