O Mistério de Levenger – Resenha

 

Ano: 2011
Título Original: THE LEVENGER TAPES
Dirigido por: Mark Edwin Robinson
Avaliação: ★★☆☆☆ (Ruim)

Em O Mistério de Levenger, alguns detetives tentam solucionar um caso cujo única pista é uma gravação feita por adolescentes, que acabaram se transformando em vítimas. As imagens da fita são assustadoras e aparentam conter o segredo do caso do sumiço de uma garota chamada Levenger.

Com uma produção “B”, interpretações fracas e um cenário totalmente reduzido, O Mistério de Levenger acaba errando em vários aspectos. Muito embora a trama seja boa e tenta muitas vezes envolver quem está assistindo, o filme sofre de falhas básicas que acabam diminuindo o interesse na conclusão do mesmo.

Uma das falhas principais é a mesmice nos cenários, que não é muito bem trabalhada. Muitas vezes dá a impressão de que o filme não busca uma continuidade lógica para personagens que estão naquela situação. O filme acaba sem deixar claro as razões pelas quais os fatos aconteceram, além de muitas vezes, as encenações parecerem brincadeiras de criança (dá a impressão de que o filme é muito mais amador do que poderia ser).

O mistério do filme na verdade é como ele pôde ser feito dessa maneira. Isso com certeza ninguém sabe explicar. Deve ser algo realmente sobrenatural.